11/12/2013
MICROQUIMICA
Retomada das exportações deve aumentar volume de vendas da Microquimica
Vendas da fabricante brasileira em 2014 devem crescer 15% no Paraguai devido à parceria comercial com Agrícola Colonial

A Microquimica, empresa brasileira que atua na produção e comercialização de fertilizantes, inoculantes e agroquímicos acaba de fechar contrato com a empresa paraguaia Agrícola Colonial, da cidade de Santa Rita. A já iniciada parceria engloba a distribuição de fertilizantes foliares e para tratamento de sementes e também de inoculantes. A expectativa é atingir 150 mil litros de produtos comercializados já em 2013.

“Para iniciarmos as vendas junto a nosso novo distribuidor, foram investidos cerca de 20% do faturamento em ações de desenvolvimento de mercado. Desde o início das operações há grandes perspectivas em função da cultura e abrangência da Agrícola Colonial”, afirma Jorge Ricci Junior, diretor comercial da Microquimica. “Dessa forma, estamos projetando um crescimento de 15% nas vendas totais de produtos para 2014”, pontua.

Por meio de uma política de desenvolvimento de mercado, treinamento e divulgação, as empresas contam com uma equipe de 45 consultores de campo e eventos técnicos promovidos nesse mercado para atender os agricultores locais. “A Agrícola Colonial conta atualmente com 30 unidades de recebimento de grãos, realiza plantio em áreas próprias e produz sementes de alta qualidade, realizando investimentos contínuos e abrangendo, assim, todo o país”, afirma Arnaldo Correa, gerente de marketing da empresa, que aposta no sucesso da parceria.

Para que todos os produtos da empresa possam ser ofertados também em outros países da América Latina (atualmente são 16 produtos desenvolvidos no Brasil que já estão registrados no país vizinho) o executivo da Microquimica esclarece que se deve primeiramente consolidar a atuação no Paraguai. “Alguns novos estudos devem começar no próximo ano, mas seguiremos a filosofia da Microquimica, de firmar a estrutura e ter parceiros preparados para um atendimento completo”, finaliza Ricci.

Sobre a Microquimica- Fundada em 1976, a Microquimica é uma empresa brasileira, controlada pelo grupo Agroinvest Kayatani S.A., que atua na produção e comercialização de fertilizantes. Sediada em Campinas, interior de São Paulo, a empresa possui duas filiais em Monte Mor (SP) destinadas à fabricação e distribuição de seus produtos.

Com investimentos focados em pesquisa e desenvolvimento, a Microquimica oferece ao mercado produtos como fertilizantes foliares e para tratamento de sementes, inoculantes, adjuvantes e reguladores do crescimento vegetal. A empresa também disponibiliza um sistema exclusivo de interpretação de análise de folhas, o CheckFolha, que fornece um diagnóstico completo sobre a nutrição da planta e recomendações aos agricultores de ações corretivas.

Em busca de um desenvolvimento socioambiental, a Microquimica investe em programas sustentáveis, como o processo de logística reversa, que possibilita a reciclagem de embalagens vazias por meio do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (INPEV), e como o apoio a instituições brasileiras de assistência à criança e ao adolescente, como o Centro Infantil Boldrini e a Fundação Abrinq.

Para mais informações acesse o site www.microquimica.com

ícone Topo